Crítica: "Minha querida Sputnick" de Haruki Murakami


Título: Minha querida Sputnick
Autor: Haruki Murakami
Ano: 2008
Editora: Alfaguara
Número de páginas: 232
Compre:  CulturaSaraiva


Sinopse: O livro conta a história de Sumire, uma jovem de 22 anos que se apaixona pela primeira vez. Uma paixão avassaladora que tem como alvo Miu, uma mulher casada e 17 anos mais velha. Mas, enquanto Miu é uma mulher glamourosa e bem-sucedida negociante de vinhos, Sumire é uma aspirante a escritora que se veste e se comporta como um personagem de Jack Kerouc mas que, em nome do desejo, é obrigada a dar outro rumo a sua trajetória.




Crítica: Olá, gente linda!!! Como andam as coisas por aí? Eu ando meio empacada nas minhas leituras e graças a esse livro estou começando a sair dessa ressaca. Murakami é um autor japonês muito popular, de leitura muito fácil comprada com outros que já havia lido. Li esse livro para o desafio livrada 2017, porém quero conhecer muito mais desse autor maravilhoso.
     O livro conta a história de Sumire uma menina de vinte e dois anos e que sonha ser escritora, e se dedica fielmente para conseguir escrever seu primeiro romance. Um ponto muito interessante e que não posso deixar de comentar é sobre o narrador e sua importância para a história, pois ele é o melhor amigo de Sumire e completamente apaixonado por ela. Os dois se conheceram quando estavam na faculdade e ele acompanhou toda a história da amiga, desde o dia que ela resolveu abandonar a faculdade para se dedicar a literatura, até o dia em que ele se apaixonou pela Miu. E é aí que a história começa a mudar: 


"A partir desse dia, o nome particular de Sumire para Miu foi Querida Sputnik. Sumire adorou o som da expressão. Fazia com que pensasse em Laika, a cadela. O satélite feito pelo homem riscando a negritude do espaço sideral.”

   Sumire nunca sentiu nenhum tipo de interesse sexual até conhecer Miu, uma mulher dezessete anos mais velha , e a partir daí se vê perdidamente apaixonada e inclusive abandona o seu sonho de ser escritora para trabalhar com ela. No meio dessa confusão e de várias descobertas que Sumire e o narrador fazem sobre eles próprios, temos uma narrativa espetacular, quase poética e podemos conhecer um pouquinho do cotidiano do Japão, uma coisa pouco comum nos livros que costumo ler normalmente.
      Murakami faz você se apaixonar aos poucos pelos personagens e quando você menos espera tudo muda, e a partir daí não posso falar mais nada porque seria spoiller. Contudo, não espere que tudo seja explicado no fim, pois muitas questões vão ficar abertas para você poder pensar e chegar as suas conclusões.
      Dei 5 estrelas no Skoob e super recomendo essa leitura. 

      Beijoks!!!!!




        

21 comentários:

  1. Oi, Ana!
    Gostei da premissa, parece bem interessante, além de diferente de outros livro que já li. Não conhecia o livro. Obrigada pela dica!
    Eu tenho um livro do Haruki Murakami há tempos e nunca li. :/ É o "1Q84". Já leu?
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  2. Que enredo! Uau. Muito humano, não? Sempre tive enorme curiosidade por ler os escritos desse autor e agora percebo que ele realmente se aventura a escrever enredos que provavelmente causam polêmica no Japão. Quero dizer, não apenas abordou a homossexualidade como o fez também abordando a diferença de idade entre ambas as personagens.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.com.br

    ResponderExcluir
  3. Nunca li nada do autor mas escuto falar muito bem. Fico curiosa, mas acaba sendo passando batido. Adorei a forma como descreves o livro, deixa a gente com vontade de realmente ler!
    bjos
    www.causoseprosas.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Confesso que esse titulo é desconhecido para mim, e se fosse pelo título, ele não teria me chamado a atenção.
    Gostei da dica, vou anotar para conferir esse título, fiquei curiosa.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  5. Oie! Tudo bem?

    Não conhecia o livro e muito menos o autor, ainda mais sendo japones, meu conhecimento de autores não passa da língua inglesa, mas por mais que você tenha falado muito bem sobre a trama, ele não me chamou a atenção, não sou fã de livros desse gênero, por isso passo a dica!

    Bjss

    ResponderExcluir
  6. ai , fiquei interessada em ler ele agora *-* <3 adorei a resenha e o blog tbm <3 #bts

    ResponderExcluir
  7. Olá,

    Não conhecia o livro e ele me pareceu ser bem diferente. Nunca li obras em que se passasse no Japão e isso me chamou atenção, fiquei curiosa para saber sobre as confusões e mais acontecimentos da obra. Adorei a resenha!

    http://www.virandoamor.com/

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem? Tá aí uma leitura que me tiraria da zona de conforto! Nunca li nada de um autor Japonês e a premissa me pareceu interessante, ainda mais pela ambientação ser no Japão. Não sei se leria agora, mas vou anotar a dica. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Oi Ana, tudo bem?
    Faz um bom tempo que ando desejando conferir alguma obra do Murakami. Eu adoro tudo que envolve o Japão e como ultimamente ando vendo muita gente comentar super bem dos livros dele, estou disposta a arriscar. E acredito que farei isso com esse livro, pois a sua resenha me chamou a atenção. Adoro livros que falem de amor de alguma forma e por o autor falar um pouco de como funciona as coisas no Japão, fiquei ainda mais interessada. E fiquei curiosa sobre esse spoiler! Com certeza irei ler!

    Beijos! ♥

    ResponderExcluir
  10. Oii!
    Até hoje nunca li nada do autor. Tenho muita vontade de ler. Fiquei bem intrigada com ele esse livro, pelo que entendi o narrador é apaixonado pela Sumire, mas ela se apaixona por outra mulher. Um tema bem polêmico para abordar em um livro, mas que chamou bastante a minha atenção. Pretendo ler com certeza.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro, mas achei muito interessante ele trazer também essa cultura japonesa de fundo, realmente não é uma coisa comum de se ver nos dias de hoje. Adorei a sua resenha e a premissa do livro, fiquei bem curiosa com o quê fica aberto no final da obra.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  12. Oi, tudo bem?
    Eu não gosto de finais em aberto, gosto de fechamento, sabe? Sou meio Hazel nessa questão ,gosto de saber até o que aconteceu com o cachorro da protagonista, hahaha. Mas parece ser um livro bem doce e gostoso de ler :D

    ResponderExcluir
  13. Oii, tudo bem?
    Eu ainda não conhecia o livro e nem o autor, mas pode ter certeza de que irei pesquisar esse livro, ele parece incrível e tenho certeza de que iria gostar muito dele, principalmente pelos assuntos abordados.

    ResponderExcluir
  14. Olá,

    Não conhecia o lviro, mas achei a temática super divertidas e esses nomes ainda bem engraçados. Eu gostei muito dos elementos que compõe a obra e acho que vou dar uma chance e realizar essa leitura. Foi ótimo ler sua resenha, pois me deu um vislumbre do que esperar ou não esperar da obra.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
  15. Olá, não conhecia o livro ainda, mas obrigado por me apresenta-lo. Sempre procuro livros que tratem do mundo da homossexualidade, e foi otimo poder conferir como a personagem buscará viver seu amor dentro do história. Já coloquei em minha meta de leitura, e parabéns pela resenha, está linda.

    ResponderExcluir
  16. Oi Ana, não conhecia o livro ainda, mas achei interessante essa narrativa mais cheia de detalhes culturais. Realmente mão são todos os livros que nos colocam nesse ambiente, e isso me chamou muito a atenção. Em compensação, esse final em aberto não me agrada muito, fico com pé atrás. Mas, vamos ver.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  17. Oie
    ainda não li nada do autor mas os elogios sempre me fazem querer conhecer e parece ser uma leitura bem dificil e intensa, então teria que ter o momento certo, muito boa sua resenha

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Oi, Ana Claudia!
    É muito bom quando conhecemos mais sobre a cultura japonesa nos livros, o fato da protagonista querer ser escritora me chamou bastante a atenção, também gosto de personagens envolventes. Ainda não conhecia o livro, nem o autor que é tão famoso lá fora.
    Parabéns pela resenha!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oie, tenho muita curiosidade em conhecer esse autor e bacana saber que em sua história ele apresenta um pouco do cotidiano do japão. Talvez esse final bastante em aberto me incomode um pouco, mas fiquei a fim de ler.

    ResponderExcluir
  20. Minha irmã adora esse autor, eu fico encantada com as capas da Alfaguara para os livros dele!

    Acredito mesmo que a escrita do autor te faz se apaixonar pelos personagens, só pelas sinopses eu já fico encantada! Deve ser interessantissimo assistir a coisa pela perspectiva do melhor amigo!

    vou indicar esse livro para minha irmã, ela vai gostar!
    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  21. Olá!

    Estou maravilhada por encontrar um livro escrito por um escritor japonês. Sério mesmo, ultimamente eu tenho amado tanto essa cultura, e encontrar essa resenha foi um presente pra mim. A trama me conquistou muito e mal posso esperar para ler esse livro e conferir de perto toda a emoção vivida pelos personagens, que parecem adoráveis. Muito obrigada pela dica.

    Ingrid Cristina
    Plataforma 9 3/4

    ResponderExcluir

Obrigada pela sua visita! Comentários construtivos são sempre bem-vindos!
Caso tenha um blog, deixe o link do mesmo junto de seu comentário para que possamos retribuir a visita! Ah, e sempre respondemos nossos leitores, clique em ''notifique-me'' caso tenha interesse em ler nossa resposta a seu comentário!

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo