Crítica: ''Cartas De Amor Aos Mortos'' de Ava Dellaira



Sinopse: Antes de começar o ensino médio, Laurel decidiu mudar de escola para se afastar de todos que sabiam o que tinha acontecido. Ela não suportaria os olhares de pena e as perguntas que não conseguiria responder. Afinal, nem ela entendia o que havia ocorrido com May, sua irmã mais velha.
May sempre fora a estrela da família e cativava todos à sua volta. Laurel a admirava muito, sonhava em ser livre como ela e desejava fazer parte de seu mundo. Então por que ela se foi?
Incapaz de encarar a situação, sua mãe viajou para a Califórnia sem previsão de retorno. Por isso, Laurel passou a alternar as semanas entre a casa do pai, vazia exceto pelos ecos de palavras não ditas, e a casa da tia Amy, uma mulher religiosa que se preocupava em garantir que a garota aceitasse Jesus no coração e não tivesse o mesmo destino trágico da irmã.
Até que a professora de inglês passa uma tarefa nada usual: escrever uma carta para alguém que já morreu. Laurel começa escrevendo para Kurt Cobain, o cantor favorito de May. A experiência parece lhe fazer bem, e então ela escreve para Judy Garland, Elizabeth Bishop, River Phoenix, Amelia Earhart... Nessas cartas, ela analisa a história de cada uma dessas personalidades e tenta desvendar os mistérios que envolvem suas mortes. Ao mesmo tempo, conta sua própria vida, como as amizades do novo colégio e seu primeiro amor: um garoto misterioso chamado Sky.
Mas Laurel não pode escapar de seu passado. Só quando ela escrever a verdade sobre o que se passou com ela e com a irmã é que poderá aceitar o que aconteceu e perdoar May e a si mesma. E só quando enxergar a irmã como realmente era - encantadora e incrível, mas imperfeita como qualquer um - é que poderá seguir em frente e descobrir seu próprio caminho.


Crítica:

Querida Ava Dellaira,

O que dizer sobre esse livro magnífico? Ele mexeu comigo de uma forma que é quase que impossível de eu explicar o quanto ele me fez enxergar a vida de uma forma completamente diferente da qual eu enxergava antes.

Quando comecei a lê-lo, pensei que seria só mais um livro sobre adolescentes em que a menina problemática se apaixona pelo menino gato da escola e passam por alguns conflitos mas depois eles vivem felizes para sempre. Mas, eu estava completamente errada.

A cada carta e a cada linha que Laurel escreveu, eu consegui entender completamente o que ela estava passando e o por que de algumas atitudes dela (o que, particularmente, me deixava com muita raiva).

Eu o li em 4 dias, mas quando eu começava a lê-lo, eu realmente entrava em um mundo completamente diferente do que eu imaginava. 

É super normal as pessoas hoje em dia dizerem: ''Nossa, esse livro mudou a minha vida.'', mas eu não digo isso da boca para fora. Ele realmente mudou a minha vida com toda a certeza do mundo. E é um livro super recomendado por mim para todos os leitores.

Beijos,
Belle.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita! Comentários construtivos são sempre bem-vindos!
Caso tenha um blog, deixe o link do mesmo junto de seu comentário para que possamos retribuir a visita! Ah, e sempre respondemos nossos leitores, clique em ''notifique-me'' caso tenha interesse em ler nossa resposta a seu comentário!

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo